terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Falta

Sinto falta...

Mas o que é falta?

A falta será um beijo daqueles que te fazer esquecer o mundo em volta?

Ou seria a falta daquele abraço que envolve o corpo e, ainda mais, protege o espírito de qualquer dúvida e sentimento de solidão?
Seria aquele sorriso aberto ou aquela risada que contagia, fazendo com que nenhum tempo seja suficiente para contemplá-los?
Talvez falta seja a careta e o jeitinho de falar que fazem sorrir e pensar que há uma eterna criança chamada alma dentro desse corpo.
Ou aquele olhar brilhante, que esconde enigmas e transparece sentimentos, seja a falta q sinto?
Será a cumplicidade, os sonhos e os planos incertos o que chamo de falta?

Quem sabe a soma de tudo isso e mais, bem mais, seja a definição de falta.
Quem sabe a falta que sinto seja o sentimento de que não fiz tudo o que deveria pra não sentir a falta que sinto.

Não sei se falta é ausência...
Só sei que a falta não me faz falta...
O que falta é não sentir a ausência de quem me faz falta.

Acho que ainda não sei o que é a falta, só sei quem faz a falta ser sentida.

Sinto falta...


Que o poder dos bons sentimentos esteja com vocês

16 comentários:

Taian disse...

Sobra tanta falta...

Leticia disse...

Você realmente expressa sentimento através das palavras, algo difícil de ser encontrado. Além de escrever muitíssimo bem.
A partir de hoje estarei aqui sempre! :)

Belinha disse...

A falta é quanto a frase não completa, é quando algo diz que o caminho não chegou ao destino final.

A falta dói, mas abra as janelas e portas.... deixe que o sol invada o vazio e mais cedo ou mais tarde, tudo será preenchido novamente.

Tô aqui pro que falta e o que sobra!

bjos

Thalita disse...

"Sobra tanta falta" né Ebinho!Escrever tbm alivia a alma e o coração... Mais isso passa. Não é um estado de espiríto permanente, Quem faz falta hoje pode não fazer amanha.. Saiba só dá valor a todos os momentos.

Beijos Pequena =)

Maria Carolina disse...

Falta palavra pra explicar, ou qualquer coisa pra dizer...

"Guardar lá dentro o amor não impede que ele empedre, mesmo crendo-se infinito. Tornar um amor real é expulsa-lo de você pra que ele possa ser de alguém"

Flora disse...

O que falta é não sentir a ausência de quem me faz falta.

isso resume meus últimos dias.
adorei!

Path! disse...

Sentir falta é sentir saudade. Sentir saudade é um sinal de que algo valeu a pena.

Caren Fonseca disse...

"Saudade é um pouco como fome.Só passa quando se come a presença..."

É meu querido.. saudade é nunca mais saber de quem se ama e ainda assim,doer.

Gisele disse...

É, sentir falta é péssimo, é dolorido, corrói...mas o que é que se há de fazer?

Arrasando nos textos, bê.
Cuida de você, gatinho.

Beiiiiijos, Gi.

Camila disse...

Lindo o q vc escreveu... é uma honra ter um amigo com um dom tão lindo...

Quero aprender tbm se possivel

^^

Júlio disse...

"sorriso aberto ou aquela risada que contagia, fazendo com que nenhum tempo seja suficiente para contemplá-los?"

Putz man, tanta coisa vem à tona lendo isso.Um sorriso que acompanha pra onde vou, mesmo estando distante...

Mah disse...

A falta é falta de não sentir falta. Se não houvesse falta não haveria memórias, seria tudo muito presente e não teríamos a sensação e a vontade de dizer: "Bons tempos eram aqueles." ;)

biiasantana disse...

Sobra tanta falta ♪
Também não encontrei definição para a "falta". Uma vontade de estar com o outro ou deixar de sentir falta. Um amontoado de sentimentos para definir apenas um, a falta.

Parabéns pelo texto, seu lindo.

Carol Mioni disse...

Eu sinto falta. Sua falta. Saudades Be!

Angélica Lins disse...

lembrou-me de : Foi apenas alguns segundos ou minutos …não sei…mas, aqueles olhos com sorriso maroto ... que não senti a despedida, só percebi a ausência da sua ausência dolorida. - Mario Quintana.

Natalia disse...

Lembrei agora, no meio da madrugada que você tem um endereço de um blog no seu twitter, sabia que era seu, mas pela primeira vez, resolvi conferi-lo...
E me deparei com belos textos^^ me identifiquei muito com este em que você fala da falta, com uma mescla de saudade e tudo mais...meu trecho favorito foi: “Quem sabe a falta que sinto seja o sentimento de que não fiz tudo o que deveria pra não sentir a falta que sinto.”
Por favor, continue escrevendo!!!!
Beijos,
Nati=)